terça-feira , 23 janeiro 2018
Início / Rosa Mística Notícias / 3ª edição / Toque Litúrgico: LITURGIA DA PALAVRA

Toque Litúrgico: LITURGIA DA PALAVRA

bc3adblia11Na Santa Missa temos a graça de ouvir a Palavra de Deus na LITURGIA DA PALAVRA, e renovar o gesto de amor de Jesus Ressuscitado na LITURGIA EUCARÍSTICA. Para tão grande graça, nos preparamos reunindo-nos em assembleia, constituindo uma comunhão, através dos RITOS INICIAIS.

Vamos compreender o que compõe os Ritos Iniciais, ou as partes que precedem a liturgia da palavra, isto é, o Cântico de Entrada, Saudação, Ato Penitencial, Kyrie Eleison, Hino de Louvor e Oração da Coleta.

O CANTO DE ENTRADA abre a celebração, promovendo a união da assembleia, introduzindo-a no mistério do tempo litúrgico ou da festa, durante a Procissão de Entrada do povo de Deus.

Na SAUDAÇÃO o presidente da celebração recebe, com um gesto de boas vindas e com alegria, toda a assembleia, a qual responde: “Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo”.

Em seguida, no ATO PENITENCIAL, o presidente da celebração convida os fiéis a uma confissão geral e conclui com a absolvição. Não se trata de uma confissão regular, mas apenas uma forma de os fiéis tomarem consciência de sua condição de pecadores. Na medida em que a pessoa reconhece sua pequenez, sua condição de pecador, Deus pode vir-lhe ao encontro com Sua graça.

Depois inicia-se o KYRIE, ELEISON, a não ser que já tenha sido rezado ou cantado no próprio ato penitencial. Nele os fieis aclamam o Senhor, imploram a sua misericórdia e também louvam ao Senhor Jesus pelo perdão.

O GLÓRIA é um Hino de Louvor à Trindade: Pai, Filho e Espírito Santo. Quando louvamos, reconhecemos o Senhor como criador e Seu contínuo envolvimento ativo em nossas vidas.  Um louvor para servirmos e adorarmos o Senhor.

A ORAÇÃO DA COLETA encerra o rito inicial da Missa. O presidente da celebração convida o povo a rezar ao dizer Oremos; todos se conservam em silêncio para que sintam a presença de Deus e formulem interiormente seus pedidos. Depois o sacerdote diz a oração que se costuma chamar “coleta”, pela qual se exprime a índole da celebração. A assembleia conclui a oração com o Amém.

Na próxima edição apresentaremos alguns elementos da Liturgia da Palavra, pela qual fazemos a leitura e interpretação da palavra de Deus, com uma reafirmação da fé cristã com uma oração ao Senhor pedindo para as necessidades coletivas.

 

(Equipe Litúrgica)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *