terça-feira , 23 janeiro 2018

Fique Ligado

O Gesto da Paz

O Vaticano recomenda, no momento da troca da paz, que se cumprimentem apenas os mais próximos, mantendo-se a sobriedade da celebração eucarística. Assim, cumprimente de maneira discreta e profunda os que estão à sua esquerda e à sua direita, permitindo que o rito siga sem tumultos, afinal é o momento que antecede a Comunhão. As conversas, os abraços, aquele seu amigo querido que está lá do outro lado da igreja podem aguardar até o fim da celebração, não é mesmo?
(Cecília Diniz)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *