terça-feira , 23 janeiro 2018

FIQUE LIGADO

FIQUE LIGADO

Quando celebramos a Eucaristia, temos de estar conscientes e obedientes ao mandato do Senhor: “Fazei isso em memória de mim” (I Cor 11, 24-25). Cumprindo esta ordem, e celebrando o memorial de seu sacrifício, devemos considerar a Eucaristia como:

  • Ação de graças e louvor ao Pai;
  • Memorial sacrificial de Cristo e de seu corpo;
  • Presença de Cristo pelo poder de sua palavra e de seu espírito;

Por melhores que sejam as nossas intenções, qualquer atitude ou pensamento que difere de louvar e adorar o Senhor Jesus, é inapropriado e faz esse grande Mistério Eucarístico um momento qualquer. Por isso, após comungar-se do corpo de Cristo deve-se retornar ao lugar e louvar o Senhor pela sua presença na Eucaristia. Adore-o! Se faltarem palavras, apenas digamos: “Meu Deus! Eu creio, adoro, espero e amo-Vos. Peço-Vos perdão pelos que não creem, não adoram, não esperam e não Vos amam.” Este é o seu momento com Deus, aproveite!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *